26/04/2018

Mestre Ricardo Queiroz

Mestre Ricardo Queiroz Mestre Ricardo Queiroz (Classe Sênior) é atualmente Diretor do Núcleo RJ Centro e líder da Família Moy Ke Lo Si, do Clã Moy Yat Sang. Foi aceito membro da Moy Yat Ving Tsun em 13 de Abril de 1993, na cidade do Rio de Janeiro.Em 1999, Ricardo Queiroz  foi reconhecido pelo Grão-Mestre Leo Imamura como discípulo vitalício e membro da Moy Yat Ving Tsun Martial Intelligence – MYVTMI, recebendo de seu Sigung, juntamente com seu Sifu,  o nome kung fu chinês Moy Ke Lo Si. A Cerimônia de Discipulado (Baai Si) ocorreu em São Paulo, no memorável Núcleo Central da MYVT Martial Art System.

Ricardo Queiroz foi  também diretor, ainda na década de 90, do extinto Núcleo Flamengo da MYVTMI e atualmente tem o núcleo estabelecido no centro da capital fluminense. Em agosto de 2013, foi contemplado Mestre (Classe Qualificado), e em 2018 com o reconhecimento de Mestre (Classe Sênior), ambas titubações pela Moy Yat Ving Tsun Martial Intelligence, com os auspícios da International Moy Yat Ving Tsun Federation e faz parte desde então do Conselho de Mestres da MYVTMI.

Arte marcial e Filosofia 

Em paralelo, Mestre  Ricardo Queiroz se encontra atualmente doutorando em Filosofia na Uerj, tendo adquirido as certificações de Bacharelado e Licenciatura em sua Graduação, bem como contemplado o título de Mestre em Filosofia nas áreas de atuação de Fenomenologia Existencial e Filosofia Prática,  na mesma Instituição de Ensino Superior (IES).

Mestre Ricardo Queiroz e Daseinsanálise

Além do mais, formou-se em Filosofia clínica com bases fenomenológicas e hermenêuticas pelo Instituto Dasein – SP em fevereiro de 2018 e atua como Filósofo clínico desde então no Centro do Rio de Janeiro.

Síntese bibliográfica

Em sua infância, Ricardo Queiroz foi iniciado na Capoeira e no Judô, ambas experiências servindo como referencial exemplar para futuras decisões em sua vida. Aos 16 anos, preparou-se para fazer parte da formação de atores na renomada instituição de teatro Martin Pena, recebendo após o curso de dois anos a certificação de ator. No ano seguinte, iniciou-se na arte da música, tendo aprendido teoria tanto quanto harmonia musical, o que lhe valeu um extenso processo como músico profissional no mercado musical carioca. Durante esta formação ampliou seu interesse não apenas por uma formação em dança de salão, atuando como professor em diversos estabelecimentos no Rio de Janeiro, mas também matriculou-se na Unisuam, no curso de Educação Física (não concluído). Em seguida, envereda determinadamente pela formação acadêmica em Filosofia, iniciada, primeiramente no Instituto Metodista Bennett, e posteriormente na Universidade do Rio de Janeiro -UERJ, continuando seus estudos, em dias atuais, em um doutoramento em Filosofia nesta mesma IES.